Pesquisar este blog

Carregando...
Loading...

segunda-feira, 9 de maio de 2011

Prova A de Biologia II

COLÉGIO ESTADUAL JOANA DE FREITAS BARBOSA

Nome: _______________________________________________ nº: _______

Série: ___ Turma: ___ Data: ___/___/____ Professor: Elder M. de Oliveira

PROVA A DE BIOLOGIA II – 1º BIMESTRE

1º) Quanto às postagens do blog Caminhos da Biologia, julgue os itens que seguem.

0 0 – Os mosquitos transgênicos foram criados na tentativa de acabar exclusivamente com os parasitas responsáveis por doenças como a dengue e malária.

1 1 – Uma pessoa que tem eritema, tem os efeitos desse estado atenuados com produtos à base de sementes de café e girassol.

2 2 – De acordo com a Psiconeuroimunologia, quando estamos tristes, todos os nossos órgãos estão também tristes e quem é responsável por isso são os hormônios, eles emitem as mensagens de tristeza por todo o nosso corpo.

3 3 – O cortisol e a ocitosina são hormônios responsáveis, respectivamente, entre outras coisas, do bloqueio inflamatório e do bloqueio de hormônios.

4 4 – As doenças gastrointestinais são de responsabilidade da má qualidade do alimento ingerido.

5 5 – A serotonina é um neurotransmissor que permite a comunicação entre os neurônios.

6 6 – O sistema sensorial necessita, somente, das estruturas extra e interorreceptoras.

7 7 – No organismo feminino, a ocitosina é responsável, entre outras coisas, pelo aumento da receptividade afetiva.

8 8 – De acordo com o sexólogo Volkmar Sigusch, a sociedade cada vez mais ruma para a assexualidade e isso se dá pela existência, cada vez maior, de solteiros, pessoas isoladas, sodomitas culturais, pervertidos e viciados em sexo.

9 9 – O sistema hormonal associado com o sistema nervoso formam o sistema sensitivo.


2º) A imensidão de seres vivos começou a ser classificada ou seja, agrupada ou separada segundo determinado critério, por Lineu. Aos poucos, os organismos foram reunidos em Reinos, alguns deles ainda válidos atualmente.

0 0 - Lineu publicou um trabalho no qual propôs a classificação dos seres vivos em grupos ou categorias, constituindo uma hierarquia. O critério básico de sua classificação foi a semelhança anatômica entre os organismos.

1 1 - Considere o esquema abaixo.


Se I representa a categoria taxonômica de família, II só poderá ser a de espécie.

2 2 - Antigamente as bactérias foram incluídas no reino vegetal porque sua parede celular é constituída por celulose.

3 3 - Os protistas podem ser procariontes ou eucariontes dependendo do seu modo de vida. Os procariontes sempre são parasitas de plantas e animais e os eucariontes são de vida livre.

4 4 - Os animais costumam ser divididos nos subreinos de invertebrados e vertebrados.


3º) As proposições abaixo estão relacionadas à nomenclatura biológica e aos grandes grupos nos quais os seres vivos são distribuídos.

0 0 - A Taxonomia é o ramo da Biologia que distribui os organismos em grupos com base nas semelhanças que apresentam. Os biólogos, ao classificarem os seres vivos, procuram levar em conta as relações de parentesco existente entre eles.

1 1 - De acordo com as regras de nomenclatura biológica é correto afirmar que os protozoários Paramecium aurelia, Paramecium caudatum, Entamoeba hystolitica e Entamoeba coli são quatro espécies diferentes, pertencentes a dois gêneros: Paramecium e Entamoeba.

2 2 - No esquema abaixo, os vírus devem ser colocados no grupo dos Procariotos, junto com as bactérias, enquanto as cianobactérias devem ficar junto com as algas, no grupo dos Eucariotos.


3 3 - Em um tronco de árvore crescem musgos, liquens, fungos e algas unicelulares. Todos esses organismos pertencem ao Reino Plantae.

4 4 - Todos os seres vivos incluídos no Reino Animal caracterizam-se por serem pluricelulares. Com exceção dos Poríferos, todos os outros filos apresentam tecidos diferenciados, formando estruturas especializadas.


4º) Leia o texto com atenção e julgue os itens que seguem.


A explosão demográfica no mundo pobre foi tão sensacional porque as taxas de nascimento básicas nesses países foram em geral muito mais altas que as dos períodos históricos correspondentes nos países “desenvolvidos”, e porque a enorme taxa de mortalidade, que antes continha a população, caiu como uma pedra a partir da década de 1940 – quatro ou cinco vezes mais rápido que a queda correspondente na Europa do século XIX. Pois, enquanto na Europa essa queda teve que esperar a melhoria gradual dos padrões de vida e ambientais, a tecnologia moderna varreu o mundo dos países pobres como um furacão na Era de Ouro, sob a forma de remédios modernos e da revolução dos transportes. A partir da década de 1940, a inovação médica e farmacêutica pela primeira vez estava em condições de salvar vidas em escala maciça (por exemplo, com DDT e antibióticos), o que antes nunca pudera fazer, a não ser talvez no caso da varíola. Assim, enquanto as taxas de natalidade permaneciam altas, ou mesmo cresciam em tempos de prosperidade, as taxas de mortalidade despencavam – no México, caíram em mais da metade nos 25 anos após 1944 – e a população disparava para cima, embora nem a economia, nem as instituições houvessem necessariamente mudado muito.

(Eric Hobsbawm. Era dos extremos. Tradução)


0 0 - A varíola não foi controlada no início da década de 40 porque os cientistas não tinham conseguido sintetizar um antibiótico eficaz contra o microrganismo causador dessa doença. Foi após a descoberta da penicilina que a varíola foi erradicada.

1 1 - A varíola é um exemplo de doença que foi erradicada e atualmente existem algumas doenças (como a poliomielite) que podem ser erradicadas com a aplicação de vacinas específicas.
2 2 - Os antibióticos são formados por substâncias que, basicamente, podem destruir algumas estruturas das bactérias ou impedir a sua reprodução.

3 3 - A varíola, assim como todas as viroses, é uma doença curável.

4 4 - O período de incubação do vírus é de cerca de 12 dias, logo após a infecção é iniciada com a presença de pústulas pó todo o corpo.


5º) As bactérias apresentam grande diversidade de reprodução, apresentando a assexuada (cissiparidade e esporulação) e a sexuada, através dos mecanismos de transferência de genes, transformação, transdução e conjugação, que aumentam a diversidade genética. Com relação a esses processos, julgue os itens que seguem.

0 0 - A transdução consiste na transferência de fragmentos de DNA diretamente de uma bactéria doadora para uma receptora.
1
1 - A conjugação ocorre pela transferência de fragmentos de DNA de uma bactéria para outra por meio de vírus (bacteriófagos).
2
2 - A transformação bacteriana se dá pela absorção de fragmentos de DNA que estão dispersos no ambiente, provenientes de bactérias mortas e decompostas.
3 3 – O processo da cissiparidade ou bipartição assemelha-se à mitose.

4 4 – O processo de esterilização dos alimentos se deu através da necessidade de eliminar esporos de bactérias, como as que provocam o botulismo.


6º) A seguir, estão listadas características de três diferentes grupos de arqueobactérias ou arqueas: termófilas extremas (ou termoacidófilas), halófitas extremas e metanogênicas.

I. São anaeróbicas estritas e importantes decompositoras de matéria orgânica, sendo comuns em áreas pantanosas desprovidas de oxigênio.

II. São encontradas em estações de tratamento de lixo e no aparelho digestório de cupins e herbívoros.

III. Ocorrem em lagoas rasas de evaporação, formadas por água do mar, nas quais se obtém o sal de cozinha.

IV. Obtêm energia da oxidação do enxofre, sendo quimiossintetizantes e ocorrem em fontes termais ou fendas vulcânicas, localizadas nas profundezas oceânicas.

A correspondência entre as características descritas e os três grupos de arqueobactérias está corretamente apresentada em:


TERMÓFILAS EXTREMAS

HALÓFITAS EXTREMAS

METANOGÊNICAS

a)

IV

II

I e III

b)

I e II

III

IV

c)

IV

III

I e II

d)

IV

II e III

I

e)

II e III

IV

I


7º) Em relação às bactérias, julgue os itens que seguem.

0 0 - As bactérias têm sido usadas pela engenharia genética na síntese de peptídios humanos como a insulina e o hormônio de crescimento.

1 1 - As bactérias causam muitas doenças sexualmente transmitidas, como o herpes simples, a meningite e a sífilis.

2 2 - Em geral as bactérias trazem mais benefícios do que prejuízos para os seres humanos e para a biosfera.

Observe o infográfico abaixo e responda os itens que seguem.


3 3 - Todos os tipos de bactérias apresentados aqui são chamados de patogênicos.

4 4 - Na manutenção da flora intestinal, dois produtos que dão um bom auxílio nesse trabalho são o leite fermentado e o iogurte.


8º) Considere os seguintes meios de transmissão de doenças:
1 - ingestão de cistos eliminados com as fezes humanas;
2 - contaminação através de fezes de inseto em lesões na pele;

3 - picada por mosquito palha ou Birigui;

4 - relações sexuais.


As protozooses correspondentes aos meios de transmissão indicados por 1, 2, 3 e 4 são, respectivamente:

a) amebíase, doença de Chagas, leishmaniose e tricomoníase.
b) giardíase, malária, leishmaniose e toxoplasmose.
c) toxoplasmose, doença de Chagas, malária e amebíase.
d) amebíase, toxoplasmose, leishmaniose e giardíase.
e) leishmaniose, malária, doença de Chagas e amebíase.


9º) A Doença de Chagas continua causando muitas mortes no Brasil e em países pobres do mundo. O texto a seguir sobre esta doença é hipotético. Leia-o com atenção.


"Um paciente residente na periferia de Fortaleza procurou o posto médico, queixando-se, entre outras coisas, de febre, anemia, cansaço e hipertrofia ganglionar. Após os exames clínico e laboratorial, diagnosticou-se, corretamente, que ele estava com a Doença de Chagas. Ao tomar conhecimento do caso, um professor resolveu discutir o caso com seus alunos, solicitando que eles opinassem sobre que medidas deveriam ser tomadas para controlar a propagação da doença. Os alunos apresentaram cinco sugestões".


Dentre as sugestões apresentadas pelos alunos, a única inteiramente correta é:


a) isolamento do paciente, para evitar o contágio com outras pessoas, pois a doença se propaga também pela inalação do ar contaminado;

b) campanha de vacinação em massa, em Fortaleza e por todo o estado do Ceará, para evitar uma epidemia na cidade.

c) aplicação de inseticidas em toda a cidade, para eliminação do Aedis aegypti, inseto transmissor do Trypanosoma cruzi, agente causador da doença;
d) vacinação de cães e eliminação de cães de rua, pois eles são reservatórios naturais de protozoários do grupoTrypanosoma;

e) proteção das portas e janelas com telas, a fim de evitar a entrada do barbeiro, inseto transmissor da doença, nas residências".


Explicar e que está errado com as alternativas que você marcou como incorretas.


a) A doença não é de propagação aérea.

b) Não há vacinação para essa doença.

c) O vetor é o barbeiro e não o Aedis aegypti.

d) Os cães não são vetores dessa doença.


10º) Julgue os itens que seguem a respeito dos fungos.


0 0 - assemelham-se às células animais, por apresentarem quitina na parede da maior parte de suas espécies.

1 1 - não realizam o ciclo de Krebs.
2 2 - são heterotróficos e nutrem-se de matéria orgânica morta ou viva.

3 3 - armazenam amido como substância de reserva.
4 4 - apenas os fungos deuteromicetos são capazes de sintetizar clorofila, constituindo-se num elo evolutivo com os vegetais.


11º) Assinale a alternativa INCORRETA a respeito dos fungos, em seguida comente o que está errado nela.


a) Há fungos que vivem em associação harmoniosa com plantas.

b) Há fungos que vivem em associação desarmoniosa com plantas.

c) Há fungos autótrofos, ou seja, que realizam a fotossíntese.

d) No fungo há tanto reprodução sexuada como reprodução assexuada.

e) O primeiro antibiótico que o homem obteve - a penicilina - foi extraído de um fungo ascomiceto.


Comentário:

Os fungos são estritamente heterótrofos.


12º) Julgue os itens que seguem a respeito da taxonomia dos seres vivos.


0 0 - Se reunirmos as famílias Canidae (cães), Ursidae (ursos), Hienidae (hienas) e Felidae (leões), veremos que todos são carnívoros, portanto, pertencem à mesma ordem.

1 1 – A família é o grupo taxonômico que possui mais organismos relacionados entre si.

Para responder os itens 2 2, 3 3 e 4 4, leia com atenção o texto abaixo:

Em uma aula de Sistemática, o professor falou acerca das principais categorias taxonômicas (reino, filo, classe, ordem, família, gênero e espécie) e, para ilustrar sua aula, apresentou a seguinte relação de organismos representantes da rica biodiversidade da caatinga.


Nome científico

Nome popular ou equivalente

Callonychium brasiliense

Espécie de abelha

Amazonetta brasiliensis

Espécie de pato

Euphractus sexcinctus

Tatu-peba

Dasypus novemcinctus

Tatu verdadeiro

Schinopsis brasiliensis

Baraúna, planta arbórea

Richardia brasiliensis

Planta herbácea

Opuntia inamoena

Cacto

Opuntia palmadora

Cacto


2 2 - A Amazonetta brasiliensis e a Schinopsis brasiliensis pertencem a gêneros diferentes.

3 3 - Amazonetta brasiliensis e Richardia brasiliensis pertencem ao mesmo filo.

4 4 - Opuntia inamoena e Opuntia palmadora pertencem ao mesmo gênero.

Nenhum comentário:

Postar um comentário